PERCA O PONTO MAS NÃO PERCA A HISTÓRIA

(2015)

FUNDOTESTE.png
e-mail-e-flyer-final.jpg

sinopse

Perca o Ponto Mas Não Perca a História é uma intervenção artística que acontece nas linhas do transporte coletivo urbano de Curitiba. Realizada por 15 atores expressivos da cidade durante vinte dias, sendo executada individualmente ou em grupo, totalizando 600 horas de arte no cotidiano da cidade.

 

O projeto foi viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Curitiba com incentivo de Apolar, Soma Meio Ambiente e Banco do Brasil

Ficha técnica

Direção: Rafael Camargo Com: Alan Raffo, Adriano Petermann, Christiane de Macedo, Diego Marchioro, Fernando Urrutia, Giovana de Liz, Jussara Batista, Mauricio Vogue, Marcel Gritten, Marcel Szymanski, Paulo Marques, Pagu Leal, Tiago Luz, Wagner Corrêa e Karin Caríssimi Direção de produção: Diego Marchioro Produção: Rosa Aragón Fotografia: Cayo Vieira Vídeos: Alan Raffo Designer Gráfico: Leonardo Pimentel Daniel Oficineiro: Fernando Dourado Assessoria de Imprensa: Fernando de Proença Realização: Inusitada CIA, Tanta Produções, Rumo de Cultura

A performance aconteceu entre os dias 20 de julho a 10 de agosto de 2015 nos Pontos e ônibus de Curitiba.

 

Animated GIF-downsized_large (1).gif

Fotos de: Elenize Dezgeniski